terça-feira, 7 de maio de 2019

AS 10 MELHORES PRAIAS BRASILEIRAS PREMIADAS PELO “TRAVELER’S CHOICE™” 2019













CONHEÇA AS 10 MELHORES PRAIAS BRASILEIRAS ELEITAS ATRAVÉS DE MILHARES DE AVALIAÇÕES DE VIAJANTES DO MUNDO INTEIRO, PREMIADAS PELO “TRAVELER’S CHOICE™2019” (TRIP ADVISOR®)


10

PRAIA DE COPACABANA ( RIO DE JANEIRO/RJ)


Copacabana atrai um grande contingente de turistas para seus mais de oitenta hotéis, que ficam especialmente cheios durante as épocas do ano novo e do carnaval. No fim de ano, a tradicional queima de fogos na Praia de  Copacabana atrai uma multidão. A orla ainda é lugar de variados eventos, como shows nacionais e internacionais, durante o resto do ano.


09

PRAIA DA CACIMBA (FERNANDO DE NORONHA/PE) 


A Praia Cacimba do Padre é uma longa faixa de areia fofa com uma vista perfeita do famoso Morro Dois Irmãos. Ela faz parte de uma ampla rede de praias que decoram a costa norte de Fernando de Noronha. Observe essa bela praia e sua água azul verdejante transparente, de um dos pontos de observação das colinas cobertas com musgo a oeste. A praia tem cerca de 500 metros de comprimento. Ande pela praia em busca de tesouros com seus filhos e aviste as tartarugas marinhas se aninharem. Descubra as datas e os horários de incubação no Projeto Tamar, nas proximidades. Fique na praia até o cair da tarde e veja o sol se pôr atrás do Morro Dois Irmãos, quando os picos gêmeos formam uma silhueta escura sob o céu avermelhado.


08

BAÍA DOS GOLFINHOS (TIBAU DO SUL/RN)



A Baía dos Golfinhos, também conhecida como Praia do Curral ou simplesmente Praia dos Golfinhos, é verdadeiramente deslumbrante e merece ser visitada. O cenário é de tirar o fôlego, com penhascos, vegetação tropical e praias semidesérticas, tudo isto se misturando em uma perfeita harmonia. Esta praia é ideal para o nado, pois as ondas são baixas. Principalmente do lado direito da praia, próximo ao centro de Pipa. 

praia não conta com nenhuma estrutura, como bares, espreguiçadeiras ou outras comodidades, então não se esqueça de levar com água, algo para comer e uma toalha de praia. Por não existir nenhuma lata de lixo nesta praia, não se esqueça de levar um saco de lixo e o coloque em uma lixeira quando voltar ao centro de Pipa. Vamos preservar a natureza!

07
PRAIA ANTUNES (MARAGOGI/AL)


A Praia Antunes é uma das 12 piscinas naturais mais incríveis do mundo.  Maragogi (litoral alagoano) leva o nome de Caribe Brasileiro, ali que fica a Praia Antunes, com suas águas esverdeadas, tranquilas e cristalinas, dignas de uma piscina natural. Localizada 7km ao norte da vila (sic) central de Maragogi, a Praia de Antunes é praticamente deserta, com poucas casas pelo caminho. Para chegar até ali, os visitantes optam pelos passeios de buggy. Caso a ideia seja passar o dia, vá preparado: não há muita infraestrutura na região, então leve o necessário para aproveitar a beleza cativante da praia.

06
PRAIA DE SÃO MIGUEL DOS MILAGRES (MACEIÓ/AL)


A região é repleta de praias paradisíacas e piscinas naturais. Situado a 13 metros de altitude, São Miguel dos Milagres fica no litoral norte de Alagoas, sendo mais um destino da Costa dos Corais. São Miguel dos Milagres é um dos lugares mais preservados desse litoral, conta com vilas de pescadores, lugares bem rústicos, pousadas pé na areia, e praias praticamente desertas.

05
PRAIA DO FORNO (ARRAIAL DO CABO/RJ)


Localizada em uma enseada a 1,5km do Centro, a praia do Forno é acessível somente por barco ou trilha de 15 minutos (partindo do canto esquerdo da praia dos Anjos). Além da mata preservada, das águas claras e dos corais, abriga ainda um restaurante flutuante especializado em ostras e mariscos. Além dos passeios de barco, que sempre param por ali, uma alternativa mais em conta para quem quer curtir a praia o dia todo (e não quer encarar a trilha) é embarcar nas traineiras que fazem serviço de barco-táxi. Elas partem do píer da praia dos Anjos e fazem o trajeto Praia dos Anjos x Praia do Forno.

04
PRAIA DE IPANEMA (RIO DE JANEIRO/RJ)


A praia de Ipanema, localizada na Zona Sul do Rio de Janeiro, entre o Arpoador e o Jardim de Alah, é uma das praias mais famosas do país e uma das mais movimentadas da cidade. Com cerca de 2 km de extensão, algumas áreas da praia tem ondas e correntezas fortes, podendo ser usada para a prática de esportes. 

Todos vão à Ipanema, seja para aproveitar uma boa caminhada, um passeio de bicicleta pela ciclovia, ou simplesmente para tomar uma água de coco com os amigos num dos vários quiosques que ficam ao longo da orla. A praia também costuma ser bastante utilizada para a prática de esportes como frescobol, futebol, futevôlei, skiboard surf, sendo palco dos principais campeonatos de vôlei. E isso não ocorre apenas durante o dia, a vida noturna também é bastante agitada, inclusive na orla. A praia de Ipanema costuma receber shows que acontecem ao ar livre, que incluem desde concertos de músicas clássicas até shows com artistas famosos da atualidade.

03
PRAIA DO FAROL (ARRAIAL DO CABO/RJ)


Grande estrela de Arraial do Cabo, a Praia do Farol é uma das mais belas de toda a Região dos Lagos e, sem exageros, de todo o Brasil. Ela ganhou fama especialmente por ter sido classificada pelo INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) como uma das mais perfeitas praias do país, seguindo critérios de pureza da água, qualidade da areia e paisagem. A fama se espalhou e hoje a Praia do Farol é um dos passeios imperdíveis em Arraial do Cabo. A Praia do Farol é quase mítica. Por ser área de proteção da Marinha do Brasil, a praia tem acesso limitado. Para ir até lá, é preciso pegar um dos passeios autorizados e apenas 250 visitantes podem permanecer na Praia a cada 45 minutos. Ou seja, nada de curtir um dia inteiro nas areias branquinhas da Praia do Farol. Mesmo com tempo bastante restrito, vale fazer o passeio. A cor da água e transparência são impressionantes!

Com sorte, você poderá ainda ver golfinhos, tartarugas, arraias e até orcas passando pela região. Um deleite para os visitantes. A área da praia é protegida não só por questões ambientais, mas também pela história que a ilha guarda. Registros históricos da cidade de Arraial do Cabo relatam que na carta náutica de Américo Vespúcio há menção à árvore que marca o centro da praia. Hoje essa árvore está protegida por uma cerca e os visitantes não podem se aproximar das raízes. A proteção se estende às grandes dunas, também com acesso restrito. Dividindo a mesma enseada com as Prainhas, a Praia do Farol pode ser apreciada de longe a partir das areias da praia vizinha.

02
PRAINHAS DO PONTAL DO ATALAIA (ARRAIAL DO CABO/RJ)


A escadaria que dá acesso às Prainhas do Pontal do Atalaia parece levar ao paraíso. Do alto do morro, o que se vê é um cenário paradisíaco. Difícil não ficar hipnotizado pela vista no topo da escada, de onde se vê a areia branca, o mar colorido e o verde ainda preservado na vizinha Ilha do Farol. A descida é íngreme e são muitos degraus. Nada que uma paradinha para as fotos não ajude.

É importante não confundir as Prainhas do Pontal do Atalaia com a Prainha (quase na entrada da cidade) e com a Praia do Pontal (mesma faixa de areia da Praia do Forte, em Cabo Frio). As Prainhas ficam localizadas no Morro do Pontal do Atalaia e têm esse nome por serem compostas de duas praias. Quando a maré está baixa, elas se unem na mesma faixa de areia e formam apenas uma praia. A depender da hora do dia, da corrente, da presença de sol e de muitos outros fatores, a cor da água poderá ser diferente, transitando entre o verde o azul.

Duas características da água do mar são comuns a qualquer dia do ano: além de calma e transparente, possui uma das melhores temperaturas de Arraial do Cabo. Digna de comparação com os melhores destinos do Caribe, a areia é branquinha e muito fina, cercada por rochas e pelo verde da vegetação.

01
BAÍA DO SANCHO (FERNANDO DE NORONHA/PE)


Baía do Sancho: esta famosíssima praia localizada em Fernando de Noronha/PE está não somente na lista das melhores praias do Brasil, como também entre as melhores do Mundo. Em 2018 e 2019 ela ocupou a primeira posição da melhor praia do mundo. 

consagração foi dada pelo Travellers Choice™, definido em votação pelo público do site TripAdvisor®. 
Há muita gente que prefere a Baía dos Porcos como a melhor praia de Noronha, mas é inegável que o visual da Baía do Sancho, do alto de seus mirantes, é realmente impressionante. Logo quem chega na Baía do Sancho, tem uma visão incrível do alto de uma falésia. O acesso para a praia é feito por uma escada de marinheiro vertical, cravada nas rochas. A descida até a praia tem aquele toque de aventura, pois a passagem é bem estreita. Para ajudar, existe uma corda em que é possível descer mochilas e equipamentos, já que não dá para levar eles nas costas. Todo esse esforço vale muito à pena, afinal você está na praia mais bonita do Mundo.

Fonte: site do TriAdvisor - premio Traveler'sChoice2019


Gostou? Deixe seu comentário abaixo.

Não esqueça de curtir nossa página em nossas mídias sociais:
Facebook: www.facebook.com/rossiturismo1
Instagram: @rossiturismo

Faça suas compras sem sair de casa! Pelo APP* ou pelo nosso site.
Baixe nosso APP* no celular ou tablet e faça buscas e compras online com preços super competitivos e com total apoio da Rossi Turismo.

Em nosso site, você também poderá fazer buscas, fechar pacotes, hotéis e passagens aéreas sem sair de sua casa.

*APP válido somente para sistema Android

ROSSI TURISMO

"Viajar é Viver"

quarta-feira, 17 de abril de 2019

Do Brasil à Indonésia, veja 10 lugares incríveis pelo mundo para mergulhar..


Mergulhar até as profundezas do mar é, sem dúvida, uma das atividades turísticas mais fascinantes do mundo. Nestes tours subaquáticos, os viajantes têm a chance de ver de perto peixes coloridos, extensas redes de corais e bichões imponentes como tartarugas e até tubarões.

É preciso ter cursos e ser certificado para realizar mergulhos ao redor do planeta, mas o esforço vale a pena: para muita gente, a imersão no oceano vira um verdadeiro vício, que motiva viagens para os mais distantes cantos do globo. Abaixo, conheça alguns dos melhores lugares para mergulhar no mundo.... 

Great Blue Hole (Belize)

                                        
















 Imagem: Getty Images


Por mais irreal que pareça, a fascinante imagem acima existe mesmo: trata-se do Great Blue Hole (Grande Buraco Azul), um buraco no meio do oceano que tem aproximadamente 300 metros de diâmetro e 125 metros de profundidade.
Esta atração fica em Belize (pequeno país ao sul do México), se encontra cercada por recifes e é muito buscada por turistas, que exploram seu interior em sessões de mergulho. Nestes passeios submarinos, é possível admirar peixes coloridos e até estalactites. Os mergulhadores costumam chegar até 40 metros de profundidade e, ao olhar para cima, há chances de ver o sol penetrando na água.

Grande Barreira de Corais (Austrália)


    Imagem: Coral_Brunner/Getty Images/iStockphoto


Cenário da famosa animação "Procurando Nemo", a Grande Barreira de Corais, na Austrália, é um verdadeiro paraíso para os amantes do mergulho. Esta atração é composta por uma rede de aproximadamente 2.900 recifes e se estende por cerca de 2.300 quilômetros ao longo da costa nordeste australiana, no oceano Pacífico.

Na área da Grande Barreira, existem 30 espécies de mamíferos marinhos, seis espécies de tartarugas-marinhas e aproximadamente 1.500 espécies de peixes (incluindo, logicamente, o peixe-palhaço, igual ao Nemo, que fica aninhado em anêmonas-do-mar e é fácil de avistar). Ou seja: é um lugar extremamente rico para fazer um mergulho ou até snorkel. A ilha Hamilton Island é uma das melhores bases para explorar a Grande Barreira de Corais.

Ilhas Perhentian (Malásia)


     Imagem: Getty Images/iStockphoto


          As Ilhas Perhentian, na Malásia, abrigam praias paradisíacas banhadas por um mar cristalino. É um destino muito buscado por mochileiros do mundo inteiro, que, no local, se hospedam em bangalôs rústicos e passam o dia na mais deliciosa ociosidade. 
             As Perhentian também atraem muitos mergulhadores (é, inclusive, possível fazer cursos de mergulho por lá): o mar que banha as ilhas oferece excelente visibilidade e abriga corais coloridos, tartarugas-marinhas enormes e diversas espécies de peixes exóticos.

Dahab (Egito)

      Imagem: WhitcombeRD/Getty Images/iStockphoto


Nem todos sabem, mas, além de monumentos faraônicos, o Egito tem, na Península do Sinai, um trecho litorâneo extremamente bonito. Uma das grandes atrações desta região é o balneário de Dahab, frequentado por amantes do mergulho do mundo inteiro e que é banhado pelo lendário mar Vermelho. Na área fica o célebre Blue Hole, um ponto de mergulho com dezenas de metros de profundidade onde é possível admirar corais, peixes coloridos e se ver envolto pelo azul intenso da água local.

Para explorar as profundidades do Blue Hole é preciso ter experiência em mergulho. Não sabe mergulhar? Não se preocupe: em Dahab há diversos centros que ministram cursos para esta prática.

Fernando de Noronha (Brasil)

     Imagem: Global_Pics/Getty Images


O Brasil também abriga destinos turísticos que oferecem ótimas condições para mergulhadores. Fernando de Noronha é um deles: nos arredores do arquipélago, é possível se imergir em uma água com temperatura média de 26ºC e que oferece visibilidade de até 50 metros na horizontal. E, por lá, há locais tanto para mergulhadores sem experiência (onde os turistas chegam a cerca de 12 metros de profundidade) como pontos ideais para quem tem rodagem na prática, chegando a mais de 40 metros de profundidade.
Peixes coloridos, tartarugas-marinhas e até golfinhos podem ser admirados nas incursões subaquáticas. Na região do arquipélago, os mais experientes têm a chance de, inclusive, chegar perto de um navio da Marinha naufragado em 1983, a mais de 50 metros de profundidade. Há empresas que oferecem cursos de mergulho em Noronha.


Arraial do Cabo (Brasil)

                     Imagem: FGamboni/Getty Images/iStockphoto


Arraial do Cabo, no litoral do Estado do Rio de Janeiro, é outro destino brasileiro muito frequentado por mergulhadores. Nesta região fluminense, há locais ideais tanto para quem não tem experiência na prática (nos quais os viajantes chegam a menos de 10 metros de profundidade) como pontos de mergulho para quem já é mais "cascudo", como a Gruta Azul.
Em muitos das incursões se vê animais como cavalos-marinhos e tartarugas. E há também os navios naufragados, como o Thetis, que afundou nos arredores de Arraial do Cabo em 1830, e a embarcação Dona Paula, que também foi a pique no século 19. Parte da estrutura de ambos pode ser vista em sessões de mergulho em Arraial.

Galápagos (Equador)

                     Imagem: Lindsey Dougherty/Getty Images/iStockphoto


Famosa por abrigar uma riquíssima fauna, as ilhas Galápagos (que pertencem ao Equador) são um excelente lugar para o turista que pretende mergulhar entre diversas espécies de animais marinhos. Ao submergir nas águas do oceano Pacífico que banham o arquipélago, os viajantes conseguem admirar enormes tartarugas, uma infinidade de espécies de peixes e até tubarões-baleia (na foto). Nos arredores das ilhas de Wolf e Darwin estão alguns dos melhores pontos de mergulho da região.


Bahamas

Imagem: Divepic/Getty Images/iStockphoto


O arquipélago das Bahamas oferece diversos pontos de mergulho de primeira linha para o turista (alguns propiciando visibilidade de dezenas de metros). Nos arredores da ilha de New Providence, turistas mergulham entre tubarões (e chegam a alimentar os bichinhos). Peixes coloridos, golfinhos e navios afundados (como a embarcação Willaurie) também podem ser avistados nas profundezas marinhas das Bahamas.

Polinésia Francesa

                     Imagem: MaFelipe/Getty Images/iStockphoto


Localizado no Oceano Pacífico, o arquipélago da Polinésia Francesa oferece verdadeiras visões do paraíso para o turista, com praias banhadas por um mar raso e cristalino. A região também abriga locais que vão agradar o viajante que quiser explorar as profundezas do oceano. Os arredores da ilha de Moorea, por exemplo, têm alguns dos melhores pontos de mergulho da Polinésia, com corais, peixes coloridos e até tubarões.
A água que banha a paradisíaca Bora Bora (talvez a ilha mais linda do arquipélago) é também uma atração fascinante, com tartarugas, moreias e cações. Huahine e Rangiroa são outros destinos polinésios cercados por bons pontos de mergulho.

Raja Ampat (Indonésia)

                     Imagem: Martin Heyn/Getty Images/iStockphoto



A Indonésia é uma nação composta por milhares de ilhas. E, logicamente, não faltam ótimos lugares para mergulhar nas águas que banham o país asiático. Na região de Raja Ampat estão alguns dos melhores locais para esta prática, com uma infinidade de corais e centenas de espécies de peixes. 
Na Indonésia, também vale a pena mergulhar no entorno da ilha de Alor, onde os turistas observam tubarões-martelo, e no mar que banha o Parque Nacional de Komodo.



Escrito por: Marcel Vincenti



Gostou? Deixe seu comentário abaixo.

Não esqueça de curtir nossa página no Facebook e Instagram:

www.facebook.com/rossiturismo1

@rossiturismo

Faça suas compras sem sair de casa! Pelo APP* ou pelo nosso site.
Baixe nosso APP* no celular ou tablet e faça buscas e compras online com preços super competitivos e com total apoio da Rossi Turismo. Em nosso site, você também poderá fazer buscas, fechar pacotes, hotéis e passagens aéreas sem sair de sua casa.


*APP válido somente para sistema Android

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

Brasil tem diversas cachoeiras para serem visitadas; conheça algumas


Cachoeira do Caracol, em Canela (RS)

O Brasil possui algumas das maiores e mais belas quedas d'água do Mundo.

São vários nomes: Cascata, é quando as águas descem em dregaus. Catarata, quando formam uma grande cortina. Salto, quando caem em forma de esguicho. Véu de Noiva, queda d'agua, catadupa, tombo, cachão... o nome não importa. Para quem gosta de natureza e aventura, as águas que caem transmitem encanto e boas energias.

Tem coisa mais relaxante do que um banho de cachoeira? 
Veja abaixo algumas das cachoeiras mais famosas do país.

Cachoeira do veloso (Ilhabela-SP): 
Da Cachoeira do Veloso, é possível ver uma das mais belas vistas de Ilhabela. São três cachoeiras, com 50 metros de queda, em um mesmo rio. A Cachoeira do Veloso começa em uma praia de mesmo nome. A caminhada é tranquila e dura cerca de 40 minutos.

Cachoeira do Caracol (Canela - RS): 
A cascata do Caracol fica entre os municípios de Gramado e Canela. Surge no meio da Serra Gaúcha e tem 130 metros de queda livre. Além do mirante, também é possível observar a paisagem em cima de um elevador panorâmico situado dentro do Parque Estadual do Caracol.

Cachoeira do Salto Grande (Corupa - SC): 


Faz parte de um circuito chamado Rota das Cachoeiras. Localizado ao norte de Santa Catarina, o parque é um verdadeiro abrigo ecológico e possui uma trilha com 14 quedas d'água em uma área de 100 hectares. A principal é a Salto Grande com 125 metros de altura.

Cataratas do Iguaçu (Foz do Iguaçu- PR): 


Um conjunto com cerca de 275 metros de quedas d'água no rio Iguaçu, localizada no Parque Nacional do Iguaçu. Uma das novas 7 maravilhas do Mundo, espetacular!

Cachoeira do Itambé (São Benedito das Areias - SP): 
Um paredão de 84 metros de altura com uma queda d’água de alto volume. Uma das mais espetaculares cachoeiras em São Paulo, localizada no município de Cássia dos Coqueiros.

Cachoeira do Tabuleiro (Conceição do Mato Dentro - MG): 
É uma das mais belas do Brasil. A água serpenteia por 273 metros até chegar a um poço como um spray.

Cachoeira Conde D'eu (Sumidouro - RJ): 
Possui 127 metros de queda. O impacto de uma nuvem de água formam arco-íris em dias de sol.

Cachoeira da Fumaça (Alegre - ES): 
Tem 144 metros de altura.

Cachoeira Boca da Onça (Bodoquena - MS): 
Com 156 metros de altura, é a mais alta do estado.

Cachoeira Véu da Noiva: 


Cartão postal da Chapada de Guimarães, é formada pelo rio Coxipó, com 86m de queda livre, e é o principal ponto de visitação do Parque Nacional.

Cachoeira Santa Bárbara (Cavalcante - GO)
É uma das mais visitadas na Chapada dos Veadeiros. Para chegar até a cachoeira da Santa Bárbara percorrem-se 5 km de trilhas passando por uma região de cerrado.

Cachoeira do Tororó (Santa Maria - DF): 
Possui 18 metros e é um local bem popular para amantes de rapel.

Cachoeira Buracão (Ibicoara - BA): 
Fica na Chapada Diamantina. Para chegar a queda é preciso caminhar por passagens estreitas e nadar para chegar pertinho da cascata.

Cachoeira do Formiga (Mateiros - TO): 


É uma pequena queda d'água, cercada por uma vegetação exuberante, de árvores altas, samambaias e moitas de palmeiras nativas. Mas o espetáculo mesmo fica por conta da piscina formada ao pé da cachoeira, onde águas de um verde-esmeralda encantador convidam ao mergulho.

Cachoeira do Rio Mandi (Teixeirópolis – RO): 
Localizada dentro da pousada Vale das Cachoeiras a cachoeira do rio Mandi, com queda d'água livre de 32 metros de altura. O vale conta com pelo menos mais 10 cachoeiras menores com queda d’água livre de três a 10 metros de altura.

Cachoeira El Dourado (Serra do Aracá - AM): 
Localizada na Serra do Aracá na cachoeira El Dorado, com a maior queda livre do Brasil, superior a 350 metros.

Cachoeira da Formosa (Serra do Divisor - AC): 
Três quedas com cerca de 5 metros de altura cada. Entre o primeiro e segundo desnível, há um poço de 30 metros de largura.

Cachoeira do Urucá (Uiramutã - RR): 


Possui 20 metros de altura. Sua água cai em um poço com água transparente, de tonalidade levemente esverdeada. Alguns quilômetros abaixo, no mesmo igarapé, encontra-se a ‘cachoeira das Sete Quedas’, com uma sucessão de quedas d’água e piscinas naturais.

Cachoeira de Santo Antonio (Laranjal do Jari - AP)
É formada por processos vulcânicos ocorridos há milhões de anos atrás, com quedas d'água a despencar de uma altura de 30 metros.

Poço Azul (Riachão - MA): 
Águas cristalinas do poço azul, formado por uma queda d'água, proporcionam banhos espetaculares, um ótimo local para relaxar.

Cachoeira do Riachão (Piracuruca - PI)
Só funciona na estação das chuvas. No verão seca totalmente, percebendo-se apenas um imenso paredão de pedra. Fica no Parque Nacional de Sete Cidades.

Cachoeira de Macambira (Macambira - SE)
É conhecida como uma das principais cachoeiras do estado de Sergipe.

Cachoeira do Roncador (Pirpirituba - PB): 
Encravada entre os municípios de Pirpirituba, Bananeiras e Borborema, é um lençol d'água que desaba de uma altura de 40 metros.

Cachoeira do Anel (Viçosa - AL)
É formada pelo rio Caçamba, uma das bacias do rio Paraíba, a cachoeira faz parte da Fazenda Cachoeira Grande a 14 km de Viçosa.

Cachoeira Planaltina (Brasil Novo - PA): 


O município é conhecido pelas cachoeiras, corredeiras, cavernas e grutas que mais se destacam graças ao tom de suas águas esverdeado.

Cachoeira do Frade (Ubajara - CE): 
O Parque Nacional de Ubajara é repleto de atividades de ecoturismo, uma das quedas d'água mais visitadas da região é a cachoeira do Frade.

Cachoeira da Pinga (Portalegre - RN): 
A cidade de Portalegre é famosa por possuir diversas cachoeiras, uma das mais famosas é a do Pinga, duas queda d'água com 36 metros de altura.

Fonte: G1.GLOBO – Turismo e Viagem

Gostou? Deixe seu comentário abaixo.

Não esqueça de curtir nossa página no facebook e instagram
@rossiturismo

Faça suas compras sem sair de casa!
Em nosso site, você poderá fazer buscas, fechar pacotes, hotéis e passagens aéreas sem sair de sua casa e o melhor: com preços de internet e a confiança de fechar sua viagem em uma agencia como a ROSSI TURISMO

Em breve: nosso APP!